Alchemia: debut lançado pela gravadora italiana Wormholedeath

  • Post author:
Versão física de “Inception”, álbum de estreia da banda brasileira de horror metal, tem lançamento na Europa e Japão | Foto: Jota Rugal

A gravadora italiana Wormholedeath, criada em 2008 e sediada em Figline Valdarno, disponibilizou a versão física do álbum de estreia do Alchemia, “Inception”. A gravadora, que também atua como editora e produtora de filmes, tem distribuição mundial pela Aural Music Group. Já a divisão editorial é administrada pela Warner, enquanto a distribuição digital é feita pela The Orchard Inc (Sony Music). “Estamos confiantes com o trabalho desenvolvido pela gravadora na Europa desde o início do ano, quando assinamos com eles. Vimos o empenho em promover nosso trabalho e agora temos a edição em CD para o mercado Europeu e, no final de novembro, teremos a versão física para o mercado japonês. Desta forma, temos novas possibilidades de expandir nossa música nestes territórios”, declarou o vocalista Victor Hugo Piiroja.
 
Carlo Bellotti, da Wormholedeath, explicou que teve contato com o Alchemia através de uma indicação de uma jornalista. “Quando minha amiga e jornalista Carla Morton me pediu para dar uma olhada nesta banda, fiquei impressionado com o som e as músicas deste álbum. Este disco é uma verdadeira obra-prima do horror metal e estamos absolutamente orgulhosos de poder lançá-lo em nosso catálogo”.
 
Inception” foi lançado no mercado brasileiro no dia 31 de outubro de 2020 pela Shinigami Records em parceria com o selo Dark Inc., responsável pelo lançamento nas plataformas digitais que, a partir de agora, será feito pelo selo italiano através da The Orchard. O material foi gravado nos estúdios Fusão e Carbonos, com produção de Piiroja, em colaboração com Ricardo Campos (Sunseth Midnight), que produziu os vocais. “Temos muitas influências em ‘Inception’, desde heavy metal, black metal, death metal, trilhas de filmes e orquestração clássica. Ao mesmo tempo, ele apresenta identidade própria”, observou Piiroja, idealizador do projeto. “O interessante da Wormholedeath é que o selo é focado em diversas vertentes, muitas das quais o Alchemia se encaixa”, acrescentou.
 
Já a mixagem e a masterização ficaram a cargo do renomado produtor e engenheiro de áudio dinamarquês Tue Madsen, que trabalhou com Rob Halford, Babymetal e Moonspell, entre outros. O álbum apresenta elementos sinfônicos dramáticos e sintetizadores góticos assombrosos, arranjados e expandidos pelo compositor britânico Jon Phipps, que criou orquestrações virtuais para Moonspell, Amorphis, Angra e Dragonforce.
 
O artista brasileiro Carlos Fides, que ilustrou artes para bandas como Kamelot, Evergrey, Edu Falaschi, foi responsável pela perturbadora arte da capa de “Inception”, que se inspira em trilhas sonoras de filmes de terror, na música dark e no metal contemporâneo. Além disso, alinhado à estética do terror em sua música, o Alchemia se apresenta com elementos visuais teatrais e mórbidos e macabros em palco, tendo colaboração com o artista performático brasileiro Coveiro Maldito.

Confira o vídeo de “Grind“, produzido pela Caxao Produtora, o artista performático brasileiro Coveiro Maldito e Jota Rugal, e editado por Xtudo Obze:

“Inception” – Repertório:
1- Grind
2- Save Us
3- Inception
4- Haunting You
5- Ashes
6- If Nothing Is Sacred
7- Sacrifice
8- Mind Prison
9- Nightmares
10- Secret Call

A versão importada de “Inception” pode ser adquirida em https://tinyurl.com/26ut664v. Já no mercado brasileiro, o álbum está à venda através da Shinigami Records em https://tinyurl.com/4jraa9js.
 
Alchemia:
Victor Hugo Piiroja (vocal)
Rodrigo Maciel (guitarra)
FIFAS (baixo)
Alex Cristopher (bateria)
Wally D’Alessandro (teclado)

Redes sociais Alchemia:
Instagram: alchemiabandofficial
Facebook: alchemiabandofficial
Twitter: alchemiabandoff

Sites relacionados:
wormholedeath.com
http://alchemiaband.com/