Por: (Arte Metal)

Se fosse de propósito não seria tão propício analisar este Análise do Caos (desculpe o trocadilho), debut da banda paulista Melanie Klain. Afinal, vivemos um momento político conturbado, com este dia de hoje sendo o ápice de uma era (ou melhor, seu fim), porém que nos mantém inseguros e sem perspectivas como quase sempre.

Afinal, a banda traz em suas letras em português o que realmente o título do disco traduz: uma análise do caos em que vivemos neste país e, claro, com reflexos globais. Isto é, uma análise de uma sociedade corrompida, sofrida e extremamente doente.

Mas, a coisa aqui não se reflete tanto na sonoridade da banda, até porque o quinteto opta por algo mais versátil com ritmos variados. Irrotulável, a música da Melanie Klain traz propostas que passam pelo Groove Metal, HC nova-iorquino, Rock nacional e até Prog Metal, sim isso mesmo.

Esbanjando técnica, a banda consegue alternar desde os ritmos de suas músicas, com quebradas bruscas e outras mais brandas, passando pelos climas eufóricos, momentos de revolta e outros mais reflexivos, até mostrando peso (em sua maior parte) e sutileza em alguns momentos.

O vocalista Duzinho é um bom cantor além dos vocais agressivos e conta, esporadicamente, com a colaboração de backings bem encaixados e que fazem a diferença. A produção do trabalho é irrepreensível e dá ainda mais ênfase à qualidade. No final, Análise do Caos é um disco inteligente, acima de tudo.

Nota: 8,5

Links sobre a banda:

Site / Facebook

 

8,5

 

Vitor Franceschini

 

<iframe width=”560″ height=”315″ src=”https://www.youtube.com/embed/66HBTx_p_U0″ frameborder=”0″ allowfullscreen></iframe>

Vitor Franceschini

Jornalista graduado, editor do Blog Arte Metal.