Por: (Arte Metal)

Quando retornou de um hiato de mais de dez anos sem lançar música inédita em 2015, com o ótimo “Dawn of a New Sun”, os mineiros do TUATHA DE DANANN mostraram que tinham muita lenha pra queimar e se mantiveram em serviço. Então, eis que agora surge “The Tribes of Witching Souls”, novo EP que comprova isso.

O novo trabalho mostra a banda com todas as suas características em cinco novas canções e outras versões de músicas já conhecidas do público. É interessante notar como, mesmo com os arranjos incluindo elementos ‘Folk’, a banda soa mais direta e simples nas duas primeiras faixas, a título e Turn, esta última com um solo de guitarra extraordinário.

Mas não acredito que esse ‘simples’ se encaixa nos termos da execução das composições, que são ricas, com arranjos belos de banjo e flautas, riffs marcantes, melodia intensa e refrãos que pegam na primeira audição, com linhas vocais muito bem desenvolvidas com apoio de ótimos backings.

Warrior Queen já cai de vez no Folk Metal que a banda sempre se enveredou, iniciando as participações de destaque, já que aqui quem aparece é DAÍSA MUNHOZ (VANDROYA, SOULSPELL). E como canta essa moça! A música caiu como uma luva e parece um hino inicial de batalha.

MARTIN WALKYIER (ex-SKYCLAD), amigo de longa data dos mineiros de Varginha, aparece em Your Wall Shall Fall, que traz um lado mais agressivo, que casa melhor com suas linhas vocais, sendo a música mais pesada do trabalho. Conjura também mostra uma boa dose de peso e mais uma vez, o banjo comandando levadas interessantíssimas. Aliás, a adesão maior do instrumento fez muito bem à música do TUATHA DE DANANN.

Uma bela versão acústica de Outcry (originalmente lançada no já mencionado “Dawn of a New Sun”) e uma regravação da clássica Tan Pinga Ra Tan, completam o setlist original do disco. Esta última traz participação de FERNANDA LIRA (NERVOSA) cantando de verdade (risos) e surpreendendo em uma versão acústica/orquestrada simplesmente emocionante.

Uma versão demo de Rhymes Against Humanity (também de “Dawn of a New sun”) e a demo instrumental de The Tribes of Witching Souls são as bônus, que vem numa linda digipak, com uma belíssima arte de capa a cargo de Paulo “Coruja” Oliveira. Talvez se o TUATHA DE DANANN tentar fazer algo ruim, eles não conseguirão.

Tuatha de Danann - The Tribes of Witching Souls

Nota: 9,0

Links sobre a banda: 

Site

Facebook

Vitor Franceschini

Jornalista graduado, editor do Blog Arte Metal.