O Voodoopriest irá se apresentar pela primeira vez no Manifesto Bar no sábado, 14 de fevereiro. A banda paulista de metal é formada pelo vocalista Vitor Rodrigues (ex-Torture Squad), os guitarristas César Covero (Endrah, ex-Nervochaos) e Renato De Luccas (Exhortation), o baixista Bruno Pompeo (Aggression Tales, ex-CPM) e o baterista Edu Nicolini (ex-Nitrominds, ex-Musica Diablo).

O grupo nasceu como uma grande força no cenário musical brasileiro e internacional, devido à experiência e bagagem musical de seus integrantes. Já nos primeiros meses de lançamento, o grupo conseguiu grande visibilidade na mídia e muito interesse e curiosidade por parte do público em geral, obtendo ótimos resultados ainda em seus primeiros meses de existência.

A proposta da banda é combinar elementos do thrash, death e heavy metal tradicional, com uma sonoridade moderna. Com músicas bem construídas, cheias de riffs instigantes, refrãos marcantes e doses fartas de peso equilibradas com um toque de groove, o Voodoopriest mostra que tem todas as qualidades para se tornar um grande nome do metal brasileiro e internacional.

No show do Manifesto a banda divulgará o trabalho do seu primeiro álbum Mandu.

O disco é conceitual e conta a história verídica de Mandu Ladino, um índio que viveu no século 18 na região que é hoje o estado do Piaui. Um grande líder e herói, omitido dos livros de história do Brasil, Mandu reuniu diversas tribos e as liderou até à morte contra a invasão de suas terras e a aniquilação do povo indígena.

Ingressos antecipados:
https://ticketbrasil.com.br/show/2789-carnavalnomanifesto-sp/pontos-de-venda/

Gustavo Pavan

Headbanger, técnico em informatica, programador e produtor de shows underground.