Por: (Arte Metal)

Foram cinco anos entre o debut e este novo trabalho, sendo que os britânicos do Dakesis passaram por uma reformulação considerável. Afinal o vocalista e guitarrista da banda Wayne Dorman deixou o grupo em 2013 e mesmo sendo a única baixa fez certa diferença no que concerne à sonoridade do grupo.

Preferindo não substituir seu ex-integrante, o grupo optou pela tecladista Gemma Lawler assumindo de vez os vocais (ela já duelava com Dorman no disco anterior) e a escolha foi mais do que acertada. Afinal, a cantora possui uma voz forte, sabe equilibrar suas linhas e canta de forma natural, lembrando um pouco Lana Lane.

The New Dawn soa mais progressivo e bem menos Power Metal que seu antecessor e ainda é mais denso, além de melhor produzido. Com uma sonoridade atual e menos estridente, mostra uma evolução considerável e coloca a banda em um patamar ainda mais alto.

As guitarras estão bem equilibradas em suas funções, assim como a cozinha coesa e os arranjos de teclados muito bem encaixados. O clima do disco é mais emotivo e flerta bem de leve com a música clássica, dando uma beleza extra ao trabalho. Isso sem contar que a banda não exagera em técnica e possui mais ‘feeling’.

São doze composições, além de uma intro e três músicas bem longas (uma delas com mais de 17 minutos!), sendo essa a única ressalva pro disco que cansa um pouco até chegar ao final. Porém, os bons adjetivos fazem a diferença e o resultado final é um trabalho bem legal. Vale à pena conferir.

Dakesis - The New Dawn

Nota: 8,0

Tracklist:

  1. Overture
  2. The New Dawn
  3. Betrayal
  4. Destined for the Flame
  5. The Great Insurrection
  6. To Conquer or Die
  7. Intermezzo Meridian
  8. Judgement Day
  9. The Sacrifice
  10. Autumn
  11. The Seventh Sky
  12. Call to Freedom
  13. By the Fading Light

Links sobre a banda:

Site / Facebook

Vitor Franceschini

Jornalista graduado, editor do Blog Arte Metal.