Por: (Arte Metal)

São vários os trunfos que banda Deadpan, oriunda de Florianópolis/SC, traz neste seu debut. Ainda mais pelo estilo proposto, o Progressive Death Metal, que pode soar maçante se não for executado da forma correta. Mas, a banda se sai muito bem por ter conhecimento de causa.

O primeiro ponto é a objetividade da banda. Mesmo explorando muito bem todos os espaços das composições, o trio formado por Gustavo Novloski (vocal/guitarra), André Barreto (baixo) e Igor Thiesen (bateria, Predator, Red Razor), é objetivo. As músicas aqui têm em média 4 minutos.

O segundo ponto é a capacidade de unir técnica com simplicidade. Sim, isso é possível, afinal os músicos executam as composições com precisão e feeling, fazendo com que as músicas sejam até pegajosas. Riffs de qualidade, cozinha que comanda quebradas bruscas, constantes, mas que não tiram a empolgação do ouvinte.

O terceiro ponto são os vocais atípicos de Novloski, afinal o cara mete um gutural despojado, meio fanfarrão que foge à risca. Tudo isso com uma produção de qualidade, importante quesito para um estilo exigente. Sem dúvidas a faixa título e Life Olympic Games são os carros-chefes, mas é bom ouvir o álbum inteiro, porque vale à pena.

Deadpan - In Aliens We Trust

Nota: 8,5

Links sobre a banda:

Site Oficial / Facebook

Vitor Franceschini

Jornalista graduado, editor do Blog Arte Metal.