Por: (Arte Metal)

O MOONSCAPE é um projeto fundado em 2015 pelo multi-instrumentista norueguês Håvard Lundein, que traz neste primeiro disco um álbum conceitual cheio de convidados, além de uma sonoridade voltada para o Metal Progressivo, porém também para o extremo.

“Entity” conta a história de um homem que não se atreve mais a enfrentar o mundo ao seu redor. Inconsolável, ele fechou seus olhos e jurou nunca mais abri-los novamente. Em desespero, ele não encontra outra saída a não ser escapar de seus próprios pensamentos. Num canto silencioso em sua mente, onde ele achava que ele ficaria a salvo do mundo lá fora, de repente, teve de enfrentar um demônio de seu passado, escondido em seu subconsciente.

A trilha desta história complexa e ‘cabulosa’ se encaixa bem, já que ouvimos músicas que unem uma atmosfera sutil e pesada ao mesmo tempo em que investem em arranjos intrincados, mudanças de ritmos e uma pegada Black Metal em muitas passagens. Se lhe veio à mente nomes como OPETH (meio de carreira), EDGE OF SANITY e até AYREON, você está no caminho certo.

O mais interessante, é que diante de tantos elementos, complexidade e mais de uma dezena de convidados, o MOONSCAPE consegue soar objetivo, passar longe de cansar o ouvinte, pelo contrário, cativá-lo ainda mais em uma obra muito interessante e que se torna cada vez mais atraente conforme compreendida. Belíssimo trabalho!

Moonscape - Entity

Nota: 8,5

Tracklist:

  1. Entity Part I: Disconsolation (The Hidden Threat)
  2. Entity Part II: A Farewell to Reality
  3. Entity Part III: Into the Ethereal Shadows
  4. Entity Part IV: Abandonment
  5. Entity Part V: Under Absent Clouds
  6. Entity Part VI: A Stolen Prayer
  7. Entity Part VII: A Crack in the Clouds
  8. Entity Part VIII: The Bargaining
  9. Entity Part IX: Entity

Link sobre a banda:

Facebook

Vitor Franceschini

Jornalista graduado, editor do Blog Arte Metal.