Foram 14 anos para esse debut sair, afinal estes espanhois estão na ativa desde 2002 e haviam lançado apenas a demo que leva o nome do grupo em 2005 e o EP Disguised Queen que saiu em 2013. Os motivos não sabemos, mas enfim, o sonho do primeiro disco oficial foi realizado.

Adeptos do Prog Metal, o Slammin’ Thru carrega um grande diferencial em relação aos grupos atuais, já que bebe na fonte dos pioneiros do estilo e ainda adiciona uma dose extra de peso às suas músicas. Se como pioneiros leu Fates Warning e Queensrÿche, leu certo.

Todas as características do estilo encontram-se em Thing to Come, tal qual guitarras intrincadas, baixo que se desgruda um pouco das guitarras e viradas insanas de baterias. Aliás, aqui também contém as quebradas típicas e mudanças de andamentos que dão fôlego ao ouvinte.

O grupo investe em uma produção mais orgânica (que poderia até ser um pouco mais límpida) e menos melodia do que encontra-se normalmente neste tipo de proposta. Fato é que Things To Come é um trabalho interessante que tira o Prog Metal um pouco da mesmice. Ouça a faixa Undisclosed e veja se não dá pra ser feliz!

Slammin' Thru - Things to Come

Nota: 8,0

Tracklist:

  1. Metallic Leaves
  2. Things to Come
  3. Disguised Queen
  4. Break
  5. Undisclosed
  6. Pariah
  7. Seeing Eye

Links sobre a banda:

Site / Facebook

Vitor Franceschini

Jornalista graduado, editor do Blog Arte Metal.