Stone Temple Pilots

O Stone Temple Pilots entrou com uma ação judicial contra seu ex-vocalista, Scott Weiland. De acordo com Robert DeLeo, Dean DeLeo e Eric Kratz, o cantor tentou sabotar a turnê comemorativa de 20 anos da banda, não comparecendo a eventos promocionais e atrasando o início das apresentações. Também alegam que Scott evitava comunicação com os outros integrantes de maneira proposital, com a clara intenção de prejudicar o andamento do trabalho.

O Hollywood Reporter teve acesso a detalhes do processo. O acordo feito pelos músicos em 1992 dá conta de que a banda não pode utilizar o nome sem a presença dos quatro integrantes originais. Nem mesmo poderiam promover eventos se denominando ex-membros do grupo. Porém, o contrato deixa claro que qualquer um dos integrantes pode ser demitido por atos de negligência, como os que a banda alega em relação a Scott. Também há uma acusação de atos fraudulentos contra o cantor, que teria utilizado o nome do grupo para promover sua carreira solo. O grupo quer compensação financeira e liberdade para seguir sua carreira sem Weiland.

Portal do Inferno

Portal do Inferno é um site especializado em notícias do rock n roll ao metal extremo, resenhas, entrevistas e cobertura de shows e eventos!

Deixe um comentário