In Tormet – Paradoxical Visions of Emptines

  • Post author:

Que o Rio Grande do Sul é um celeiro de nomes do metal extremo, isto não podemos negar. De lá vem nomes como Krisiun, Rebellion, The Ordher, Bestial e outro que se destaca é o In Torment. Desde que lançou seu primeiro trabalho, Diabolical Mutilation of Tormented Souls, em 2006, a banda obteve ótimas criticas. O In Torment tem sido uma das bandas que recebe um maior destaque na cena do death metal nacional.

Em Paradoxical Visions of Emptines, diferente de muitas bandas de death metal, o In Torment está com mais técnica, apresenta um som mais preciso e um álbum conceitual, onde expõe a ideia do homem vagar entre o céu e o inferno. O álbum é extremamente bem composto, com musicas rápidas, muito bem apresentadas e com o vocal caótico de Alex.

A banda trabalhou muito bem na produção de Paradoxical Visions of Emptines, valorizando cada um de seus músicos: solos de guitarras fritantes e a cozinha que bate feito marreta. Destaco a música que dá nome ao CD, pois mostra todo o poder de tormenta da banda e deve ser uma ótima música para ser executada ao vivo.

Este é um ótimo álbum que vai levar o nome do In Torment cada vem mais longe.

In Tormet - Paradoxical Visions of Emptines

Paradoxical Visions of Emptines – Rapture Records – 2011

Nota: 9

Tracklist:
01. The Flesh and the Spirit
02. Illogical Revelations
03. Labyrinth of Depravity
04. Elements of Sadistic Cruelty
05. Smashed Into Oblivion
06. Beyond the Consciousness
07. Paradoxical Visions of Emptiness
08. Homicidal Cognitive States
09. Timeless Murderer

Integrantes:
Alex – Vocal
Rafael – Guitarra
Alexandre – Guitarra
Maiquel – Baixo
Aires – Bateria

** O texto representa a opinião do autor e não a opinião do Portal do Inferno Webzine ou de seus editores

Redação

Portal do Inferno é um site especializado em notícias do rock n roll ao metal extremo, resenhas, entrevistas e cobertura de shows e eventos!

Deixe um comentário