Por: (Arte Metal)

O selo brasileiro Hellion Records trabalhou de acordo ao resgatar o legado deixado pelo TROUBLE nos seus álbuns lançados nas décadas de oitenta e noventa. “Trouble”, quarto disco completo da carreira da banda de Chicago, é mais um deles e mostra um momento de transição da banda.

Adentrando os pedregosos caminhos da década de 90, do qual a música alternativa, em especial o Grunge, tomou posse, o disco mostra a transformação da banda. Talvez essa não seja exatamente a palavra que possa melhor representar o momento, pois o grupo manteve suas caraterística, porém adotando mais elementos e influências.

Aquela veia Doom Metal tradicional totalmente inspirada em BLACK SABBATH se faz presente, mas foi aí que o TROUBLE começou a adotar aquela coisa mais suja, partes que hoje são conhecidas como Stoner Rock (ou Stoner Metal) e isso fez bem pra banda, que não se prendeu aos clichês deixados nos anos 80.

As quebradas e mudanças de andamento para um lado mais psicodélico – que viria a ser mais forte no álbum seguinte, “Manic Frustration” (1992, também relançado pela Hellion Records) –  já começavam a tomar forma diante de solos melodiosos e com guitarras gêmeas bem impostas.

Aliás, o trabalho de guitarras é mais um destaque, o que se tornou uma marca da banda norte-americana que tem uma das melhores duplas do estilo registrada em sua história, Bruce Franklin e Rick Wartell. “Trouble” é um disco que carrega duas vezes o nome da banda e honra tal fato.

Trouble - Trouble

Nota: 8,0

Tracklist:

  1. At the End of My Daze
  2. The Wolf
  3. Psychotic Reaction
  4. A Sinner’s Fame
  5. The Misery Shows (Act II)
  6. R.I.P.
  7. Black Shapes of Doom
  8. Heaven on My Mind
  9. E.N.D.
  10. All Is Forgiven

Link sobre a banda: 

Facebook

Vitor Franceschini

Jornalista graduado, editor do Blog Arte Metal.