Por: (Arte Metal)

É complicado analisar a carreira destes russos. Afinal, há menos de 10 anos o grupo investia em um Metal extremo de qualidade com flertes com o Industrial, mas foco principal no Thrash/Death Metal, estes últimos dois estilos que eram ainda mais fortes no começo de carreira lá pelos idos de 1992.

Unwanted Today é o oitavo disco da banda que, inexplicavelmente, mudou seu direcionamento totalmente desde Blood on the Face (2013), seu antecessor. O Metal extremo foi deixado totalmente de lado e o quarteto de São Petersburgo passou a investir em algo voltado ao Rock alternativo, que ainda possui guitarras pesadas, mas que adicionam melodias e vocais limpos com um pé e meio no pop.

A sonoridade apresentada está longe de ser ruim, afinal as músicas possuem ótimas estruturas, o senso de melodia da banda é perfeito, além da execução coesa das músicas. Isso sem contar que as faixas são pegajosas e muitas delas soam como hits que tocariam facilmente nas ‘rádios rock’ da vida.

O problema é que quem discorre a discografia da banda desde seu primeiro álbum até os dias atuais nota que o grupo não possui essa característica. Enfim, que o disco é bom é, mas não pertence à banda. Seria um Chameleon (1993) do Helloween ou um Load (1996) do Metallica, como preferir…

Grenouer - Unwanted Today

Nota: 5,0

Tracklist:

  1. Awake
  2. Unwanted Today
  3. A Little Too Obsessed
  4. Something Really Bad
  5. On a Rainy Day
  6. Blossoms in the Dust
  7. I Can’t Stand It
  8. Daily Miracles
  9. Going to Stay
  10. Point of No Return
  11. Artificial Tears
  12. Don’t Let Them (Get You Down)
  13. Clearway

Links sobre a banda:

Site / Facebook

Vitor Franceschini

Jornalista graduado, editor do Blog Arte Metal.