Avantasia – HSBC Brasil – São Paulo/SP

Entre as bandas com propostas de “ópera metal” que já surgiram por aí, é inegável que Avantasia seja a mais especial e também a mais famosa. Tobias Sammet, o “garoto prodígio” e líder do Edguy criou o Avantasia em 1999 como um projeto paralelo contando com diversos músicos da cena mundial, como Kai Hansen, Sascha Paeth, Michael Kiske, Andre Matos, etc., e no fim, o supergrupo acabou ofuscando até mesmo a primeira banda do alemão. Após duas passagens pelo Brasil em 2008 e 2010, Tobias trouxe a banda de volta para o País na turnê do mais recente disco, The Mystery of Time, para um único show no HSBC Brasil, em São Paulo.

Avantasia (foto: Alexandre Cardoso)

O show já estava com todos os ingressos esgotados bem antes da apresentação, marcada para 29 de junho, portanto não era de se espantar que já houvesse fila algum tempo antes da abertura dos portões. Dessa vez, junto com Tobias Sammet, a apresentação contou com a vocalista Amanda Somerville e com os vocalistas Bob Catley, Oliver Hartmann, Michael Kiske, Thomas Rettke e Eric Martin, sendo que os dois últimos estavam se apresentando pela primeira vez em uma turnê com a banda. O vocalista Ronnie Atkins, que vinha participando da turnê mundial até então não pode comparecer nos shows na América do Sul, mas Sammet prometeu, antes de viajar para o nosso continente, que os outros integrantes dariam o sangue para compensar isso.

Pouco depois das 22h, horário marcado para o início da apresentação, e após a já tradicional intro de 2001: Uma Odisseia no Espaço, o show foi aberto pela dobradinha Spectres e Watchmakers’ Dream, ambas do disco mais recente do grupo, e o público já deu uma grande resposta, cantando junto e agitando bastante. Após The Story Ain’t Over, com a participação do carismático Bob Catley e de mais uma do The Mystery of Time, com a The Great Mystery, a clássica Prelude começou a tocar antes da Reach out For The Light, e o público já estava pedindo a presença de Michael Kiske no palco. O ex-vocalista do Helloween (e atual Unisonic) havia sido o destaque da passagem da banda em 2010, e continuou sendo um dos vocalistas mais esperados para a apresentação desse ano, na qual não deixou dúvidas quanto às suas habilidades vocais, executando com muita técnica todas as músicas que cantou, em especial a Shelter From The Rain.

Avantasia (foto: Alexandre Cardoso)

Além das performances sempre inspiradas de Bob e do grande desempenho de Oliver Hartmann não só nas guitarras, mas também nos vocais, outro destaque da noite ficou por conta de Thomas Rettke, responsável pelos backing vocals do próprio Avantasia e também do Edguy, além de ter sido vocalista da Heaven’s Gate, banda tradicional alemã que também contava com Sascha Paeth. A presença, carisma e potência vocal de Thomas foram extremamente bem-vindas, especialmente na Scales of Justice, que foi uma das surpresas da turnê, já que mesmo pertencendo ao The Wicked Symphony (disco de 2010), a faixa nunca havia sido tocada ao vivo na época do seu lançamento, só entrando para os setlists da banda agora em 2013.

O líder do Mr. Big Eric Martin também se saiu muito bem cantando não apenas a música que gravou para o disco mais recente do Avantasia, What’s Left Of Me, mas também cantando outras faixas, como a Promised Land e o hit Dying for an Angel, demonstrando o já característico carisma, além de ter interagido bastante com os companheiros de palco. E por falar em companheiros de palco, Tobias Sammet estava animadíssimo, como sempre, e o clima era descontraído, com bastante conversa entre as músicas, e tudo isso só impulsionava o público presente a se animar mais e também tirou um pouco do clima de “jam” que às vezes paira no ar quando se tem muitos artistas diferentes no mesmo lugar.

Avantasia (foto: Alexandre Cardoso)

O repertório da noite foi bastante variado e semelhante aos que a banda vinha tocando na América do Sul, com um show bastante longo, marcando cerca de três horas de duração. Com a casa lotada e, portanto fazendo muito calor lá dentro, o público não desanimou e cumpriu muito bem o seu papel, cantando praticamente todas as faixas junto com a banda. Desde os singles Twisted Mind e Lost in Space, até as mais longas The Scarecrow (esta com Oliver especialmente inspirado e cantando muito bem as partes pertencentes originalmente ao norueguês Jørn Lande, que ficou de fora da turnê) e The Wicked Symphony, os fãs presentes raramente ficaram sem agitar durante a apresentação.

Após um brevíssimo intervalo no final da Dying for an Angel, a banda começou o bis com Amanda Somerville e Sammet cantando mais um clássico da primeira metal opera com a balada Farewell, e após essa rápida trégua para o público e também para a banda, que já estava bem cansada, a casa lotada foi novamente sacudida com Avantasia, uma das músicas mais famosas do grupo. O duo The Seven Angels (a faixa mais longa da discografia da banda) e Sign of the Cross fecharam o show, com o relógio marcando 01:05 da manhã.

Avantasia (foto: Alexandre Cardoso)

Por fim, o grupo conseguiu mais uma vez fazer um show bastante eletrizante e com grandes momentos mesmo com o desfalque de Ronnie Atkins e o cansaço devido a tantas horas em cima do palco. O setlist foi bem equilibrado, com doses bem justas de músicas de todos os discos, visando agradar aos diferentes gostos dos fãs. Como não há previsão para que Tobias faça algum outro disco ou turnê com o Avantasia, fica a pergunta: se esse fosse o último show do grupo no Brasil, poderíamos dizer que esta apresentação fechou com chave de ouro o histórico de turnês no País? Pela reação apaixonada de grande parte do público no dia do show e pela postura da banda no palco, provavelmente a resposta tem grandes chances de ser positiva.

 

Setlist:

Spectres
The Watchmakers’ Dream
The Story Ain’t Over
The Great Mystery
Prelude
Reach Out For the Light
Breaking Away
Scales of Justice
What’s Left of Me
Promised Land
The Scarecrow
Shelter From the Rain
In Quest For
The Wicked Symphony
Lost in Space
Savior in the Clockwork
Stargazers
Twisted Mind
Dying for an Angel

Bis:

Farewell
Avantasia
The Seven Angels
Sign of the Cross