Paul Di’Anno – Beco 203 – São Paulo/SP

  • Post author:

O ex vocalista do Iron Maiden, Paul Di’Anno, se apresentou mais uma vez em São Paulo, neste domingo, dia 09. O local escolhido desta vez foi a casa Beco, e não o tradicional Manifesto Bar.

A banda encarregada pela abertura foi Scelerata, esta já é a segunda vez que a banda abre um show de Paul além de servir como banda de apoio para o músico. Formada por por Fábio Juan (vocais), Magnus Wichmann (guitarra), Renato Osorio (guitarra), Gustavo Strapazon (baixo) e Francis Cassol (bateria) e com um set list curto e uma forte influencia da banda Angra, o Scelerata tocou algumas musicas próprias e Hell Patrol cover  do Judas Priest.

Paul Di'Anno

Paul sobe ao palco as 23h10 após mais de 2h de atraso. O público inicialmente parecia um pouco irritado com a demora do vocalista, ainda mais em um show numa noite de domingo chuvosa.  O público responde prontamente quando vê o vocalista, com muitos aplausos, apesar do número pequeno de pessoas presentes. Ele abre o show com  Ides of March. Um dos primeiros comentários que Paul faz foi mencionar que se sente feliz por desta vez não tocar no Manifesto Bar, que tem sido palco para os últimos shows do cantor na capital paulista. Em seguida diz que não se importa com o número de fãs presentes e que sabe que não houve promoção do show, mas se sente realmente muito feliz em vê-los ali, ainda citando que São Paulo é sua cidade natal, e que ele realmente ama esse lugar.

Mais alguns clássicos do Iron Maiden, e Paul mantém-se entre uma música e outra conversando ativamente com o público, que não só o responde como já até mesmo brinca com o mesmo. O momento em que isso fica claro são as constantes brincadeiras com o fato de Paul ser Corinthiano assumido, foi membro da então torcida organizada do time de futebol (a Gaviões da Fiel) no período em que morou em São Paulo. Obviamente o vocalista não poderia também deixar de fazer algumas piadinhas clássicas sobre futebol, enquanto olhava a decoração da casa, que muito lembrava um ambiente a lá night club com tons em vermelho, branco e preto, faz uma menção aos São Paulinos presentes chamando-os de “bambi”.

Paul Di'Anno

Músicas como Remember Tomorrow, Killers e Phantom of the Opera são algumas das que também não poderiam ficar de fora do extenso setlist de Paul, ao todo foram 21 músicas, que marcaram o vocalista em sua passagem por uma das maiores bandas do Heavy Metal mundial.

Apesar de demonstrar-se um pouco cansado no palco, reclamar constantemente do calor que sentia e usar o mesmo como desculpa para desfrutar de inúmeras cervejas enquanto conversava com a platéia, Paul Di’Anno ainda é dono de uma voz impecável, e que não deixa dúvidas de sua qualidade quanto cantor. A simpatia do mesmo contribui muito para que os fãs mantenham-se elfóricos durante sua apresentação, não deixando de cantar e interagir com a banda em uma só música. O visual já não é mais o mesmo, e Di’Anno mesmo adimite ser fã de outros estilos dentro do rock como o punk, o que é mais evidente em sua aparência.

Paul Di'Anno

Totalmente familiarizado com seu público e repertório, além da clara satisfação em tocar no Brasil de uma forma geral, Paul Di’Anno fez uma grande apresentação, cantando com perfeição as músicas referentes a sua passagem pela Donzela de Ferro, para um público fiel ao vocalista. A noite só perdeu pontos pelo imenso atraso da banda para subir ao palco.

Clique aqui para ver todas as fotos deste show!

Redação

Portal do Inferno é um site especializado em notícias do rock n roll ao metal extremo, resenhas, entrevistas e cobertura de shows e eventos!

Deixe um comentário