• Post author:
Volkana. 13 de janeiro de 2018. Estúdio Som, São Paulo, Brasil. Foto: Leandro Pena

13 de janeiro, sábado, foi a data escolhida para a banda Volkana retornar à cidade de São Paulo. A ocasião foi um pocket show (ou ensaio aberto, como anunciado pela própria banda nas redes sociais) realizado no Espaço Som, local onde já se realizaram outros eventos do mesmo estilo.

A banda, que retornou às atividades no final do ano passado, conta atualmente com a simpática Marielle Loyola (voz) e Sergio Facci (bateria) da formação clássica (que gravou o album “First”, em 1990), além das recém-chegadas Karen Ramos (guitarra), Isa Nielsen (guitarra) e Priscilla Tiemi (baixo). Mesmo com pouco tempo junta, foi possível notar o entrosamento durante a apresentação.

Volkana. 13 de janeiro de 2018. Estúdio Som, São Paulo, Brasil. Foto: Leandro Pena

O set-list foi focado no álbum de estreia da banda (o qual Marielle cantou), incluindo o já tradicional cover dos Ramones (“Pet Sematary”) e um inusitado cover do Black Sabbath (“Paranoid”) que, segundo Marielle, a banda não havia ensaiado. Este último contou, incluive, com a participação de alguns fãs cantando juntamente com a Marielle. A baterista Fernanda Terra, que substituiu Sergio em um show recente em Curitiba, foi a convidada da noite e tocou “Darkness”.

O evento foi uma ótima oportunidade para os fãs conheceram a nova formação e poderem trocar uma idéia – e. obviamente, tirar fotos e pegar autógrafos – com o pessoal da banda após o show, visto que o local proporciona essa proximidade com o público. Agora, fica a expectativa do retorno à cidade em um show completo.

Volkana. 13 de janeiro de 2018. Estúdio Som, São Paulo, Brasil. Foto: Leandro Pena

Set-list
Darkness
To Die Is Not To Die
Pet Sematary (cover do Ramones)
That’s My Victory
Descent To Hell
War? Where My Enemy Lies
Hide
Darkness (com Fernanda Terra na bateria)
Paranoid (cover do Black Sabbath)

Agradecimentos: Roberto Oka.

Clique aqui e veja a galeria de fotos desse evento.