Por: (Arte Metal)

Tudo bem, o ANVIL sempre foi uma banda legal, mas os caras estão tinindo há pelo menos dez anos. Mais precisamente desde o álbum anterior, “Anvil Is Anvil” (2016, também lançado aqui pela Shinigami Records), a banda vem mostrando uma energia que nenhuma banda contemporânea dos caras mostram.

Isso sem contar o senso criativo de ‘Lips’ e Cia. que conseguiram aqui neste novo trabalho manter essa pegada dos últimos anos, porém criar uma identidade própria pro disco, que é empolgante e pegajoso do começo ao fim. Com melodias fáceis, porém não excessivas, e refrãos monstruosos.

“Pounding The Pavement” é um trabalho consistente por inteiro, desde as linhas fortes de baixo, passando pela guitarra que mostra um trabalho de bases excelente, além de solos simples, porém essenciais e que fazem a diferença. A bateria de Robb Reiner, apesar de menos exigida aqui, mostra sua qualidade de sempre.

Isso porque o novo disco é mais direto e ‘menos’ técnico que seu antecessor, mostrando inclusive uma pegada mais Rock and Roll em diversos momentos. Isso, inclusive, impressiona pelo fato de o ANVIL conseguir manter suas características, incrivelmente bem, diga-se.

Bitch in the Box, a típica e ótima faixa de abertura, a potente Ego, a cadenciada e pesada Smash Your Face, a faixa título, além de Let It Go, Nanook of the North e Warming Up se destacam no disco. Mais um ótimo trabalho de uma banda veterana com sede de novatos!

Anvil - Pounding the Pavement

Nota: 8,5

Tracklist:

  1. Bitch in the Box
  2. Ego
  3. Doing What I Want
  4. Smash Your Face
  5. Pounding the Pavement
  6. Rock That Shit
  7. Let It Go
  8. Nanook of the North
  9. Black Smoke
  10. World of Tomorrow
  11. Warming Up
  12. Don’t Tell Me

Links sobre a banda:

Site

Facebook

Vitor Franceschini

Jornalista graduado, editor do Blog Arte Metal.